autônomo tem direito a se aposentar
Clique para Imprimir
Com a alta do desemprego e mudanças constantes na situação econômica das empresas, a opção de tornar-se autônomo parece ainda mais convidativa. Porém, é importante lembrarmos que as contribuições ao INSS, devem continuar, pois além de garantir alguns benefícios aos assegurados, essa prática ajuda a ¨tapar¨ buracos diante a legislação.

Aposentadoria do Autônomo: Formas de Contribuição

Todo trabalhador autônomo pode contribuir de duas formas, através do salário mínimo com alíquota de 11% ou pelo teto do salário de contribuição, com alíquota de 20% sobre o salário, que pode ser de R$ 788,00 até 4.663,75. Porém, aqueles que optam por uma contribuição de menor valor só poderão se aposentar por idade, ou seja, a contribuição mínima será de 15 anos e 65 anos de idade para os homens e 60 anos para as mulheres. Aqueles que optarem pelo recolhimento de 20% poderam usar a fórmula 85/95 ou o fator previdenciário.

Como autônomo paga previdência?

Para o trabalhador autônomo pagar a previdência, o mesmo deve seguir os passos abaixo:

1º Passo

A primeira coisa a se fazer é providenciar um número do PIS, para aqueles que atuaram com carteira assinada provavelmente esse número já existe . Porém, se você não possui essa informação, compareça em uma das agências da Previdência Social na sua cidade de residência e faça essa solicitação;

2º Passo

Com o número do PIS em mãos, escolha o tipo de contribuição que deseja fazer, todo autônomo se encaixa na categoria de “Contribuinte Individual”, e a única coisa que diferencia um do outro é o número do código;

3º Passo

Depois de escolher a forma de contribuição, preencha corretamente o Guia de Previdência Social, que pode ser adquirido em papelarias e preenchido manualmente;

4º Passo

Após todos os dados preenchidos basta ir até um banco ou caixa lotérica e fazer o pagamento.

É possível cobrir falta de pagamento?

Sim! Em um trabalho autônomo é comum em algum momento o trabalhador ficar desempregado, e acabar deixando de contribuir em alguns meses, mas o correto é não deixar de realizar nenhum pagamento e procurar quitar valores pendentes.

Aposentadoria do Autônomo: É possível contribuir como celetista e autônomo ao mesmo tempo?

Não existe nenhum impedimento para que ambas atividades ocorram, pois as duas são categorias de segurados obrigatórios.

Agora você já sabe quais são os direitos dessa categoria, caso haja alguma dúvida ou forma de ajudarmos, acesse nosso site.

Leia também: Quais são os direitos dos estagiários

0
Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *